ACMD promove segundo encontro sobre a cultura da Índia

A ACMD realizou, no dia 1º de julho, o segundo encontro de seu Grupo de Estudos sobre a cultura indiana, intitulado: “Índia de Todos os Deuses – Cultura, Filosofias e Mitologia”. Foi ministrado por Marilu Martinelli (atriz, jornalista, escritora e professora, especialista em filosofia oriental e mitologia universal). O Grupo de Estudos da ACMD faz parte do Programa da Associação, chamado “Mãos na Consciência”.


Durante essa aula, a professora abordou, em linhas gerais, a amplitude da formação cultural e étnica daquele país. Como exemplo, citou a existência de construções com mais de cinco mil anos. “O que nos dá noção da complexidade daquele povo”, comentou a Conselheira da ACMD e Coordenadora do Programa “Mãos na Consciência”, Marion Monteiro.


Questões relacionadas à novela “Caminho das Índias”, da Rede Globo, também fizeram parte do conteúdo. Foi explicado que os telespectadores devem lembrar que se trata de um folhetim e que, justamente por isso, apresenta algumas características próprias da linguagem televisiva – dentre elas, o entretenimento e a comicidade. Um dos exemplos foi o grau exacerbado de superstição do personagem Opash. Fatos que chegam a ser caricatos, mas que têm a função de “movimentar” a novela.


Em seguida, foram discutidos pontos sobre a criação, o desenvolvimento humano e a preocupação com a natureza. Além disso, houve comentários sobre aspectos em comum, observados entre citações contidas nas escrituras sagradas tanto do ocidente, quanto do oriente – por exemplo, menções ao dilúvio.


Segundo Marion, esse Grupo de Estudos tem a finalidade de motivar as pessoas a quererem conhecer cada vez mais a cultura indiana, que é tão vasta. E, acima de tudo, demonstrar o quanto são atuais algumas proposições e compromissos do povo hindu. “Ajudam a compor o nosso embasamento interno”, finalizou Marion.