Estação da Cidadania comemora cinco anos de atividade

A abertura contou com a apresentação do Grupo Vozes, do Coral do Sindicato dos Bancários de Santos. Na ocasião, houve uma exposição das principais ações que mobilizaram a sociedade civil desde o inicio da ocupação desse espaço.


O Fórum da Cidadania de Santos foi fundado no dia 18 de maio de 2002, com a missão de mobilizar a comunidade para promover os direitos, deveres e responsabilidades da cidadania. Desde o princípio até hoje, visa a transformação social com qualidade de vida. A entidade está instalada, desde 2006, na Estação da Cidadania, situada na Av. Ana Costa,340. Funciona de segunda a sexta-feira, das 14h às 22h.


Breve Histórico


Nesses cinco anos, muitas das propostas apresentadas pelo Fórum da Cidadania de Santos encontraram eco na Comunidade. Exemplo é o Projeto Tribuna Cidadã, proposto pelo Fórum da Cidadania em 2006 e 2009, aprovado pela Câmara de Santos em 2011.
 
Além disso, a entidade recebeu várias homenagens como: o Diploma de Honra ao Mérito, concedido pela Câmara de Santos, em 2007; o Título de Utilidade Pública Municipal em 2008 e o de Utilidade Pública Estadual, em 2011.
 
Outras atividades também tiveram êxito e movimentaram a Cidade. Destaca-se a parceria com a Petrobras, no Projeto Navegação, em 2008; e a Rede Jovem Protagonista, em 2009, voltado à capacitação e ao empoderamento de adolescentes.


Do mesmo modo, os cursos de Capacitação de Agentes Comunitários pela Escola de Cidadania de Santos em 2008 e 2009.Uma ação proposta pelos alunos resultou na publicação  da Cartilha da Participação Cidadã. No mesmo ano (2009), teve início o Projeto Cidadania na Escola.
 
Mais um ato importante ocorreu durante a Campanha Ficha Limpa, que mobilizou cidadãos e santistas na coleta de seis mil assinaturas. A atividade trouxe o tema da corrupção para o debate público e representou a contribuição da cidade para esta conquista da democracia brasileira.
 
Já no ano passado, a Estação da Cidadania se habilitou como Ponto de Cultura e vem desenvolvendo diversas discussões sobre Cultura e Cidadania. Além disso, realizou  oficinas de: literatura, cultura digital, fotografia, vídeo, dramaturgia e teatro. Agora, nos primeiros meses deste ano, as atividades movimentaram diversas pessoas interessadas em debater a questão da Comunicação e suas interfaces com a Cultura e a Cidadania.