Família Legal obtém permissão para mãe visitar filho em abrigo

Em fevereiro de 2002, uma mãe foi suspensa do poder familiar por estar passando por dificuldades financeiras e psicológicas. O Ministério Público moveu ação de Destituição do Poder Familiar, obtendo decisão de suspensão em fevereiro de 2002, porém a decisão só foi cumprida em abril de 2003.Nesse período a mãe voltou a trabalhar, a fazer tratamento médico, se estabeleceu em um lar digno de receber novamente a criança, tendo sido orientada pelos profissionais do Projeto Família Legal para atuar de tal forma.Com o cumprimento da decisão a mãe ficou expressamente proibida de visitar seu filho no abrigo, motivo pelo qual levou o Projeto Família Legal a recorrer da decisão de primeira instância, interpondo um agravo de instrumento no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, o qual foi favorável à decisão de permissão de visitas da mãe, bem com a possibilidade dessa criança retornar para o seio familiar em breve.