Homenagens marcam troca de Diretoria na ACMD


A reunião mensal do Conselho Deliberativo da ACMD, ocorrida em 12 de julho, teve como seu principal acontecimento a posse da jornalista Deborah Okida, que assumiu a Diretoria Executiva da Associação. Cerca de 20 pessoas participaram – dentre Diretores, Conselheiros, Associados, funcionários e parceiros da entidade.


Eduardo Vianna Junior – que foi Diretor Executivo da ACMD nos últimos cinco anos, passou a função para Deborah. Ambos foram homenageados. Ele recebeu durante o evento, uma placa de condecoração cujo trecho dizia: “Obrigado por fazer parte da nossa Associação, ajudando a transformar para melhor a vida de tantas crianças, adolescentes e famílias. Receba nossos mais sinceros agradecimentos por todas sua dedicação a nossa causa”.


Deborah recebeu flores e também o apoio de todos os presentes que realizaram um brinde para simbolizar o início de uma nova etapa na ACMD. “Gostaria de agradecer a todos pela confiança depositada em mim ao longo desses anos”, disse.


Ela trabalha na ACMD desde 1998 – começou atuando como Assessora de Imprensa – tarefa que desempenhou durante cinco anos. Nesse período, Implementou o Boletim Informativo da ACMD e ampliou a presença da entidade na mídia.



Fez com que veículos de relevância nacional, como por exemplo, o Jornal Folha de S. Paulo abordassem o caso da separação dos irmãos (um deles portador do vírus HIV) que estavam em abrigos de Santos.



Como Assessora de Imprensa, também participou de uma capacitação na Agência de Notícias do Direito da Infância (Rede ANDI), situada em Brasília.



Em março de 2003, ela foi promovida, tornando-se Secretária Executiva da ACMD. A partir de então, teve que se dedicar com maior ênfase às questões administrativas e aos projetos da Associação.



Já neste ano, Deborah teve a oportunidade de vivenciar um intercâmbio de dois meses na Inglaterra. Lá, visitou Oxford, Cambridge, Stratford-on-Avon, Londres, dentre outras cidades.



Ela participou do Group Study Exchange (GSE) que consiste em um programa de intercâmbio do Rotary destinado a jovens profissionais. Visa o desenvolvimento pessoal e da carreira, por meio de troca de idéias e experiências.



Durante a viagem, Deborah conheceu cidades como Leeds, onde não há abrigos. As crianças que estão em situação de risco naquele município são encaminhadas para um programa de família acolhedora e/ou substituta.



Segundo os Diretores e Conselheiros da ACMD, toda a experiência adquirida por Deborah, certamente, a tornarão uma Diretora Executiva bem sucedida. “Não poderíamos estar colocando em melhores mãos”, comentou o Conselheiro da ACMD, Ronald Luiz Monteiro.



No ano 2000, Eduardo assumiu a Diretoria Executiva da ACMD. Na gestão dele, dentre as inúmeras ações realizadas, duas empreitadas pioneiras merecem destaque. Primeiramente, a parceria com a coordenação nacional da Pastoral da Criança que possibilitou a instalação de Núcleos Multiuso da entidade em vários municípios da Baixada – iniciativa até então inédita no Brasil.


Outra atividade relevante de Vianna foi à implementação da Ficha de Comunicação do Aluno Infreqüente (FICAI) que se tornou uma resolução do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Santos, em 2004.


Sua meta principal é ser um instrumento eficaz no combate à evasão escolar. A ACMD, sob o comando de Eduardo, também realizou uma pesquisa para avaliar o resultado da aplicação da FICAI.