Lançamentos do Selo Imprensa Social

Imprensa Social é o selo da Imprensa Oficial do Estado lançado para livros editados em parceria com Organizações Não Governamentais com atuação nas mais diversas áreas. O objetivo é ampliar o acesso à informação de interesse público e dar oportunidade para que o trabalho das Ongs seja mais conhecido e valorizado como referência para a implantação de políticas públicas. São publicações voltadas para a área de educação, saúde, comportamento, meio ambiente, minorias.Para decidir os critérios da seleção dos projetos enviados pelas Ongs foi criado um Conselho Editorial, composto por representantes da Imprensa Oficial e das organizações parceiras. As entidades participantes do Conselho Editorial são: Imprensa Oficial do Estado; Ação Educativa;Fundação Abrinq; ANDI (Agência de Notícias dos Direitos da Infãncia); Ashoka (Empreendedores Sociais); Cedac (Centro de Educação e Documentação para Ação Comunitária); CENPEC (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária); Conectas (Direitos Humanos); Geledés (Instituto da Mulher Negra); GTPOS (grupo de Trabalho e Pesquisa em Orientação Sexual); ISA (Instituto Socioambiental) e Midiativa (Centro Brasileiro de Mídia para Crianças e Adolescentes).Os títulos podem ser encontrados nas livrarias ou no site da Imprensa Oficial do Estado no www.imprensaoficial.com.br/livraria. Os lançamentos são: “A Violência Silenciosa do Incesto” – Publicado em parceria com a Clínica Psicanalítica da Violência e a Ashoka Brasil, tem coordenação das terapeutas Graça Pizá e Gabriella Ferrarese Barbosa. “Espelho Infiel” – editado pela Imprensa Oficial e Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo, com organização de Flávio Carranca e Rosane da Silva Borges. “Pela Lente do Amor” – fotógrafo italiano Carlo Signorini coordenou o livro em parceria com a Ong Lua Nova“Aprendendo Português nas Escolas do Xingu” – editado pela Imprensa Oficial,“A Escola Sustentável” – em parceria com o Ipec. “Jovens Lideranças Comunitárias e Direitos Humanos” – em parceria com a Conectas Direitos Humanos.