Metas do Milênio – um “novo passo” para um mundo “novo”

Durante a Conferência Nacional do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, realizada no início de julho, foram apresentadas as “Metas do Milênio” e a “Semana Nacional pela Cidadania e Solidariedade”.Em sua sexta edição, a Conferência do Ethos mais uma vez surpreendeu, pois sempre traz grandes novidades e possibilidades para os participantes (mais de mil pessoas reunidas), além de apontar os caminhos que a Responsabilidade Social Empresarial está seguindo no mundo todo.As Metas do Milênio surgiram através da aprovação pela ONU, em setembro de 2000, da Declaração do Milênio. O Brasil, em conjunto com os países-membros da ONU, também assinou esse pacto e estabeleceu compromissos para que as metas possam ser cumpridas. O prazo estipulado para que governos e sociedade compartilhem a sustentabilidade do planeta é até 2015.Ao todo, são oito objetivos do Milênio. Essas metas formam uma agenda universal que pertence a toda a humanidade, onde cada país e cada cidadão é responsável por tornar realidade o sonho que está escrito. As oito metas são: Acabar com a fome e a miséria; Educação básica de qualidade para todos; Igualdade entre os sexos e valorização da mulher; Reduzir a mortalidade infantil; Melhorar a saúde da gestante; Combater a Aids, a Malária e outras doenças; Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente e Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento.Para engajar toda a sociedade brasileira nessa caravana pela vida, será realizada em agosto (entre os dias 9 e 15), a Semana Nacional pela Cidadania e Solidariedade. A Semana terá como símbolo Herbert de Souza (Betinho). As datas foram escolhidas exatamente para homenagear essa importante figura nacional, marcando a passagem do aniversário do seu falecimento. A idéia é transformar a Semana em um marco anual que possa servir como referência para o cumprimento das Metas do Milênio.A semana está sendo conduzida por uma rede de organizações sociais e empresas. É uma rede apartidária e ecumênica. Uma rede da Nação, não de grupos ou segmentos. O objetivo é mobilizar governos e sociedade para que desenvolvam ações que colaborem na prática e na implementação das Metas do Milênio. Para isso, haverá uma grande campanha de comunicação em massa, a ser lançada ainda em julho. Durante a Semana Nacional, todos devem mostrar ações concretas e organizadas sobre como estão contribuindo para que as metas sejam alcançadas. Será também uma oportunidade para reflexão, discussão e criação de novas ações e parcerias.Mas não é preciso esperar pela Semana Nacional pela Cidadania e Solidariedade para fazer algo. Há muita coisa sendo feita. A Associação Comunidade de Mãos Dadas (ACMD), por exemplo, já atua em algumas das metas do milênio há alguns anos. Podemos citar a parceria com a Pastoral da Criança, contribuindo para a redução da mortalidade infantil e a melhoria da qualidade de vida da gestante, das mães e das famílias; a participação nos Conselhos de Direitos, colaborando com a questão das políticas públicas na área da criança e do adolescente e na área da educação, como a implantação da Ficha de Comunicação do Aluno Infreqüente – FICAI, que ajuda no combate à evasão escolar. A formação de redes (direta ou indiretamente) como é o caso da Rede Sementeira, Rede de Promotores e Rede Universitária. A parceria com o Rotary Club e a Associação dos Empresários da Construção Civil da Baixada Santista viabilizando mais vagas na Creche São José para as crianças da Zona Noroeste de Santos.Esse é um momento muito especial que a humanidade está vivendo. Todos nós já percebemos que não podemos mais ficar de braços cruzados. O planeta está se deteriorando a cada segundo e precisa de nossa ajuda para se recuperar. Dentro de duas gerações, muitos dos recursos naturais terão acabado ou estarão em vias de acabar. O que faremos então? O que iremos responder aos nossos filhos quando eles nos perguntarem: – “Se vocês sabiam de tudo isso, o que fizeram para evitar?”Vamos evitar que essa pergunta nos seja feita. Vamos, hoje, começar a fazer a nossa parte. Para quem quiser saber mais sobre a Semana Nacional e as Metas do Milênio, há um site em fase final de construção: www.nospodemos.org.br .