Núcleo de pesquisa sobre neuroeducação será inaugurado em Campinas

Neste domingo (15 de agosto), às 11 horas, será inaugurado em Campinas, o Núcleo de Pesquisa do Cérebro e da Consciência. É fruto de uma parceria entre a Fundação Douglas Andreani e o Instituto Migliori. Este último é presidido por Regina Migliori, advogada e educadora – responsável por relevantes contribuições na área dos valores humanos, inclusive na literatura. Ela tem uma relação próxima com a ACMD.


Integrou a equipe de docentes nas nossas primeiras “Vivências” e também ministrou o nosso penúltimo Grupo de Estudos, intitulado: “Ser Sustentável”. Todas essas ações fazem parte do Programa da ACMD “Mãos na Consciência”. Sua finalidade é ampliar o nível de consciência das pessoas, fazendo com que elas tenham uma conduta cada vez mais humana e solidária.


Neuroeducação – O Núcleo de Pesquisa, em Campinas (Rua Araçandiva, 351 – Jd. Miriam), contará em breve com um laboratório de neurociência, um centro de formação de professores e de desenvolvimento de material pedagógico – além de abrigar um observatório de astronomia. A ideia é fazer com que tudo aconteça de forma integrada e que o espaço se torne um centro de cultura e lazer para crianças e adultos. Livraria, oficinas (tipo museu), restaurante também estão previstos.


Para completar, o Núcleo de Pesquisa está dentro da chamada “Vila Antiga” – que é um projeto da Fundação Andreani com a Secretaria de Educação de Campinas. A área construída contempla cerca de 11 mil m² e foi planejada dentro dos parâmetro de sustentabilidade – com prioritariamente materiais reutilizáveis. Na “Vila Antiga” há ainda uma parte dedicada à agricultura. É possível acompanhar, por exemplo, o plantio de algodão, café, milho, dentre outros.


Clique aqui para mais informações.