Prazo para colaborar com “Destinação Criança” termina no dia 30


ACMD também tem projeto para receber recursos do IR.


Garantir que parte dos recursos que seriam pagos ao Imposto de Renda sejam legalmente investidos em projetos sociais, beneficiando crianças e adolescentes. Esta é a finalidade da Campanha Destinação Criança. Pessoas Físicas e Jurídicas interessadas em colaborar ainda este ano devem se apressar, pois o prazo termina em 30 de dezembro (último dia útil).



Depois de fazer o cálculo no site da campanha, o contribuinte pode verificar o quanto destinará. Logo após, é possível escolher a cidade que receberá a verba, basta imprimir o boleto e pagar em qualquer agência bancária. Esse procedimento deve ser registrado no imposto de renda em 2009.



A campanha é articulada pelos Conselhos Municipais dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCAs) da Baixada Santista. A Regional da Receita Federal, em Santos, é uma das facilitadoras da Destinação Criança. Essa iniciativa também recebe o apoio do Sistema A Tribuna de Comunicação, o Rotary Club de Santos, a Associação Brasileira de Terminais Retroportuários Alfandegados (ABTRA) e da Alfândega de Santos.



A meta deste ano é ousada. Pretende-se angariar entre R$ 10 milhões a R$ 15 milhões – o dobro da arrecadação em 2007.



Quanto já foi arrecadado pelos CMDCAs (em reais)







































































Cidade


2005


2006


2007


Total


Bertioga




26.190,00


26.190,00


Cubatão


1.251.786,90


1.277.279,00


1.508.370,60


4.037.436,50


Guarujá


458.036,00


576.887,00


1.414.443,00


2.449.366,00


Itanhaém



22.000,00


34.035,00


56.035,00


Mongaguá



25.800,00


31.300,00


57.100,00


Peruíbe


16.000,00


53.550,00


93.750,00


163.300,00


Praia Grande


185.910,00


274.670,00


500.000,00


960.580,00


Santos


450.559,92


946.362,53


991.016,09


2.387.938,54


São Vicente


431.500,00


617.412,93


635.888,00


1.684.800,93


Baixada Santista


2.793.792,82


3.793.961,46


5.234.992,69


11.822.746,97


Fonte: At Revista (Jornal A Tribuna), de 23 de novembro de 2008 – Página 19.



Projeto da ACMD também pode ser abatido no IR – Para empresas e pessoas interessadas em destinar parte do Imposto de Renda devido, a ACMD tem uma proposta aprovada no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Santos (CMDCA) e obteve um Certificado de Captação de Recursos.



Através deste certificado, a ACMD pode captar com Pessoas Físicas e Jurídicas o montante para desenvolver o projeto. Uma parte da destinação (20%) ficará no Fundo da Criança para viabilizar projetos que não tenham pleiteado o certificado. Essa é uma forma de também incrementar as destinações e a arrecadação.



O projeto em questão é o “Pólo Aquático – O Esporte como Ferramenta de Inclusão Social”. Visa beneficiar crianças e adolescentes de Santos (a meta é alcançar 700 participantes), oferecendo uma alternativa a mais ao desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, contribuindo para que saiam da situação de risco pessoal e social.



Para contribuir com este projeto, o prazo também é 30 de dezembro. Outras informações podem ser obtidas na ACMD, pelo telefone (13) 3222-5002.