Projeto Central de Informações, da ACMD, ganha novo site

CentraldeInformacoes

CentraldeInformacoesO projeto “Central de Informações dos Direitos da Criança e do Adolescente – Mãos Dadas” é um serviço totalmente gratuito que tem objetivo de informar e debater temas relacionados aos Direitos e Deveres da Criança e do Adolescente, Estatuto da Criança e do adolescente (ECA) e a legislação pertinente. Por esse projeto a ACMD recebeu a Menção Honrosa “Ideia Inovadora em Mobilização de Recursos” no terceiro setor, do Prêmio Empreendedor Social Ashoka – McKinsey. A “Central” completa 13 anos em 2015 e ganha um site reformulado e aprimora o mecanismo de interação com os usuários.

O site manteve todas as informações anteriores, mas com novo layout, mais intuitivo, minimalista e responsivo, ou seja, se adapta as mais diversas telas, inclusive smartphones e tablets. Porém, o sistema de interação foi aprimorado. Anteriormente, o usuário podia fazer uma pergunta por carta, por exemplo, que seria respondida também por carta. Hoje isso não é mais possível. O contato deverá ser feito somente pelo site.

A coordenadora executiva da ACMD, Deborah Okida, explica que há anos o projeto só recebia perguntas por e-mail ou pelo site. Contudo, ela esclarece que o procedimento para a resposta continua o mesmo: a pergunta é recebida e analisada por especialistas da área responsável e depois de alguns dias o usuário recebe a resposta.

“Quando o projeto foi criado pela ACMD, no início dos anos 2000, as cartas e o Fax ainda eram muito utilizados para a troca de informações. Contudo, com o atual desenvolvimento da Internet, o e-mail se transformou na principal ferramenta inteiração entre o internauta e os serviços oferecidos na WEB, como é a Central de informações. Por isso decidimos transforma a ‘Central’ em um projeto digital”, destaca a coordenadora. Caso aconteçam contatos via outros meios de comunicação, é claro, serão respondidos, mas o foco agora é a internet.

Ela também ressalta que as perguntas já respondidas também estão à disposição do internauta. “A ‘Central’ já respondeu dezenas de perguntas e além de estar disponível no site, também vamos compartilhar com nossos seguidores do Facebook, duas vezes por semana. O objetivo é levar conhecimento ao maior número de pessoas, como preconiza o nosso Programa Conhecimento em Suas Mãos”, diz.

Acesse aqui para saber mais sobre o projeto “Central de Informações dos Direitos da Criança e do Adolescente – Mãos Dadas”.