Publicação do Unicef trata das mudanças ambientais

O Unicef lançará uma nova publicação. Com o nome de “Mudanças Climáticas e Infância”. Discute os efeitos das mudanças climáticas na saúde e no desenvolvimento infantil e coincide com a reunião de líderes mundiais na Conferência da ONU, realizada em Bali, sobre mudanças climáticas.


 


A publicação vai ser lançada em um evento paralelo especial do ‘Um Mundo para as Crianças + 5’ (WFFC+5), a convite do governo da Grécia. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), quase um quarto de todas as mortes são atribuídas a fatores ambientais, e esse número sobe para mais de um terço quando se trata de crianças abaixo de 14 anos. As três principais causas de morte de crianças menores de 5 anos são: infecções respiratórias, doenças diarréicas e malária, e estão fortemente ligadas a fatores ambientais.


 


O Unicef está trabalhando junto com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) e com a Convenção das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (Unfcc), entre outros, no desenvolvimento de estratégias para promover ambientes saudáveis e seguros para as crianças.


 


Apesar de grande parte dos recursos do planeta estar sendo ameaçada pelas mudanças climáticas, existe um importante recurso renovável encontrado em abundância: o poder dos jovens de realizar mudanças. O Unicef e seus parceiros estão desenvolvendo um pacote de recursos de educação ambiental para apoiar os esforços governamentais de capacitar as crianças para proteger e recuperar o meio ambiente.


 


Outra publicação – Outra publicação recente do Unicef é o “Progresso para as crianças”, que fala sobre o avanço em direção aos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, na qual apresenta dados abrangentes sobre a melhora nas taxas de mortalidade infantil desde 1990.