Serão divulgados os vencedores do Prêmio Empreendedor Social


A Ashoka Empreendedores Sociais McKinsey & Company anunciarão os três planos de negócios vencedores do Prêmio Empreendedor Social Ashoka-McKinsey 2006. A cerimônia de premiação ocorre na terça-feira (5 de dezembro, em São Paulo, na Fundação Getulio Vargas (FGV).



O Prêmio Empreendedor Social Ashoka – McKinsey é um concurso que capacita e apóia organizações da sociedade civil a planejar e implementar profissionalmente suas idéias de negócios, aliando sustentabilidade, impacto social e geração de recursos para as organizações e para os públicos por elas atendidos.



Este ano pela primeira vez, o Prêmio foi realizado simultaneamente em sete países da América Latina (Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Peru, Uruguai e Venezuela) – obtendo 934 inscrições de organizações da sociedade civil.


Só no Brasil foram 343 entidades inscritas.



Destas, 20 organizações foram selecionadas e receberam treinamentos presenciais e apoio voluntário de profissionais da McKinsey. Ao final todas puderam amadurecer as idéias e concluir os planos de negócios, que agora podem ser implementados e apresentados a potenciais financiadores. As 10 organizações selecionadas como finalistas receberam ainda o apoio individual de um profissional da McKinsey e as 3 vencedoras receberão prêmios, em dinheiro, num total de R$ 90 mil.



A seleção dos três melhores planos será feita através de uma Comissão Julgadora formada por : Alessandro Carlucci (Diretor-Presidente da Natura Cosméticos), Anamaria Schindler (Co-Presidente da Ashoka Empreendedores Sociais), Arthur Vasconcellos (Diretor Executivo da Câmara Americana de Comércio para o Brasil), Heinz-Peter Elstrodt (Office Manager da McKinsey do Mercosul) e Kelly Michel (Diretora Executiva da Artemisia International).