Zilda Arns diz que parceria entre ACMD e Pastoral é um modelo para o Brasil


A ACMD e a Pastoral da Criança da Diocese de Santos estão comemorando os resultados positivos de uma parceria inédita no Brasil. Essa união bem sucedida ficou definitivamente marcada pela vinda a Santos da Dra. Zilda Arns, Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança, em 11 de novembro.



A parceria consiste em um projeto de instalação de Núcleos Multiuso da Pastoral em comunidades carentes por toda a Baixada Santista. Já foram implementadas 20 unidades e, até o final deste ano, estão previstas mais nove inaugurações.



Os Núcleos Multiuso são espaços onde a Pastoral desenvolve suas atividades, através da atuação solidária de seus voluntários. Nos Núcleos, são realizadas capacitações, pesagens periódicas das crianças assistidas, dentre outras atividades que a comunidade julgar necessárias.



Durante a vinda da Dra. Zilda, foi assinado um Protocolo de Intenções Contra a Mortalidade Infantil. Além da Dra. Zilda Arns, também assinaram o documento Dom Jacyr Braido (Bispo Diocesano de Santos), Deborah Okida (Diretora Executiva da ACMD) e seis Prefeitos (das seguintes cidades: Santos, São Vicente, Guarujá, Cubatão, Praia Grande e Mongaguá). Os Prefeitos de Bertioga, Itanhaém e Peruíbe também foram convidados a assinar, porém não compareceram. O principal objetivo era engajar, cada vez mais, o maior número possível de lideranças contra a Mortalidade Infantil.



A intenção da ACMD é que este documento sirva para os nove municípios como uma ferramenta norteadora para que cada cidade formalize convênios de apoio à Pastoral da Criança – inclusive com subsídio financeiro proporcional ao número de crianças atendidas pela entidade.



A assinatura do Protocolo ocorreu durante um café da manhã, na residência da Presidente do Conselho Deliberativo da ACMD, Terezinha Calçada Bastos. Participaram do encontro cerca de 50 pessoas. “Tenho certeza de que todos vocês podem fazer muito pela comunidade e pelo Brasil. Que Deus abençoe a todos”, disse Terezinha.



A Dra. Zilda Arns demonstrou uma enorme satisfação referente aos resultados do projeto. “É uma grande alegria ver que Deus intuiu o dom dos empresários para alavancar a Pastoral da Criança”, afirmou. Ela ainda acrescentou que “inteligentes são os Prefeitos que apóiam a Pastoral”. Dra. Zilda também fez questão de ressaltar o pioneirismo da iniciativa: “Santos é um modelo para o Brasil. Nós precisamos fazer um fascículo para divulgar isso”.



No Café da manhã, Eduardo Vianna Junior, Conselheiro da ACMD, apresentou um histórico da parceria, existente há dois anos, entre a ACMD e a Pastoral. “Os resultados positivos não são méritos só da ACMD. São méritos de um grupo de empresários e, principalmente, da Pastoral da Criança”, ressaltou.



Eduardo também exibiu um apanhado geral dos propósitos, missão e os mais importantes projetos da ACMD. “Precisamos mostrar o que estamos fazendo para, que assim, possamos ampliar nossa rede de relacionamento em prol de nossas crianças e adolescentes”, comentou.



A ACMD demonstrou, durante o café, dados da Fundação Seade sobre a Mortalidade Infantil no Estado de São Paulo. Segundo esse levantamento, a Baixada Santista é a região com o pior índice. Aqui, a cada mil crianças nascidas vivas, 18,17 delas morrem antes de completar um ano. A Organização Mundial de Saúde (OMS) preconiza que o Índice de Mortalidade Infantil seja de 8 mortes para cada mil nascidas vivas.



Ao expor esse dado às pessoas presentes no café, Eduardo Junior frisou que “a sociedade precisa saber que na nossa região há várias crianças que morrem desnecessariamente”.



Após o café, a Dra. Zilda Arns foi, juntamente com alguns participantes, visitar o Núcleo do Valongo, onde houve uma demonstração inédita de um Núcleo Alternativo – que foi instalado em um container (6m de comprimento por 2,40m de largura). O equipamento dispõe de instalações para energia elétrica e água. É uma oportunidade para as comunidades que não podem disponibilizar imóveis para a implementação dos Núcleos convencionais (os quais dispõem de cozinha, banheiro e sala de capacitação).


A visita da Coordenadora da Pastoral da Criança em Santos também teve a finalidade de comemorar os 20 anos de atuação da entidade na Baixada. Dra. Zilda fez uma analogia entre as ações da Pastoral e o milagre da multiplicação dos pães. Como parte das atividades, foi celebrada uma missa pelo Bispo Dom Jacyr Braido, na Catedral de Santos.



Histórico da Parceria entre ACMD e a Pastoral



A Associação Comunidade de Mãos Dadas (ACMD) desenvolve uma parceria com a Pastoral da Criança Nacional e a Pastoral da Criança Diocese de Santos desde 2002. A parceria visa apoiar a Pastoral da Criança naquilo que ela faz de melhor: o combate à desnutrição e à mortalidade infantil. Para isso, envolve diversas atividades e projetos, com destaque para a implantação dos Núcleos Multiuso.



Tudo teve início através de alguns professores e alunos universitários, ocasião na qual se viabilizou a compra de equipamentos para a fábrica de multimistura e também a doação de mais cinco toneladas de alimentos não perecíveis, além de matéria para a multimistura.



Uma outra ação importante foi a viabilização de uma consultoria na área de gestão administrativa para a Pastoral da Criança da Diocese de Santos, realizada por um profissional especializado. Essa consultoria durou cerca de quatro meses e possibilitou uma reestruturação que repercutiu em resultados bastante positivos.



Previsão dos Próximos Núcleos


1)Bairro Sto. Antonio – Guarujá (Soc. de Melh./Rotary)


2)Cidade Náutica – São Vicente (LAM/Sindisan/SEST SENAT)


3)N. Sra. Assunção – Santos (Paróquia)


4)Jd. São Manuel – Santos (CMDCA)


5)Centro – Santos (Ass. dos Cortiços do Centro – ACC/Libra)


6)S. José Evangelista – São Vicente (Tancredo Neves/Paróquia)


7)Bom Jesus – Guarujá (Rotary)


8)N. Sra. Aparecida – Mongaguá (Paróquia)


9)Vila São Bento – Santos (S.M., Prefeitura, Mansueto Pierotti)


 


Núcleos já Concluídos



I – Sagrada Família – Caminho São Sebastião (Santos) -11.11.2003.


II – Pref. Mun. São Vicente- Parque das Bandeiras (São Vicente) – 19.12.2003.


III – Cooperatica Habitacional Noso Lar – Japuí (São Vicente) – 24.04.2004.


IV – Jesus Crucificado – Jabaquara (Santos) – 15.10.04.


V – São José Operário – São José Operário (Santos) – 20.11.2004.


VI – Pref. Mun. São Vicente – Cristo Rei (São Vicente) – 05.12.04


VII – Nossa Senhora Aparecida – Nossa Senhora Aparecida (Santos) -12.12.04


VIII – São João Batista – Nova Cintra (Santos) – 05.01.05


IX – São João Batista – Sant’Ana / São Joaquim (Santos) – 10.01.05


X – São João Batista – Vila Progresso (Santos) – 15.01.05


XI – Coração de Maria – Vila Mathias (Santos) – 28.04.05.


XII – Rotary Porto/Inst. Elos/Ordem Franciscana – Valongo (Santos) – 04.06.2005


XIII – São Benedito (Santos) – 30.07.05


XIV – Pref. Mun. Santos/AMA/Soc. Melh. – Jd. Piratininga (Santos) – 12.08.05


XV – São Jorge Mártir – Estuário (Santos) – 05.09.05


XVI – Senhor dos Passos – Boqueirão (Santos) – 13.09.05


XVII – Creche Cáritas – México 70 (São Vicente) – 27.09.05


XVIII – São João Batista – Centro (Peruíbe) – 19.10.05


XIX – Assoc. de Bairro Capoeira- Oásis (Itanhaém) – 19.10.05XX – São Paulo Apóstolo – J. Menino – 20.10.05